Empreendedoras do Amapá e Sergipe vencem Prêmio Mulher de Negócios

Notícias Noticias Globo
Carmita Duarte, do Vale do Jari, e Ivana Lúcia Torres, de Aracaju, conquistaram o Troféu Ouro, respectivamente nas categorias ‘Grupos de Produção Formal’ e ‘Micro e Pequena Empresa’
Superação, determinação e vitória são características comuns na trajetória das 22 finalistas ao Prêmio Sebrae Mulher de Negócios. As grandes vencedoras foram Carmita Duarte Medeiros, do Amapá, na categoria Grupos de Produção Formal, por seu trabalho à frente da Associação de Mães Artesãs do Vale do Jari; e Ivana Lúcia Torres, de Aracaju (SE), da Constat Home Care, na categoria Proprietária de Micro e Pequena Empresa. A cerimônia de premiação aconteceu na noite de quinta-feira (8), no espaço Pathernon, em Brasília.

A história de cada uma das 22 finalistas ao Prêmio foi contada em um vídeo que abriu a solenidade. O presidente do Sebrae, Paulo Okamotto, elogiou o exemplo empreendedor das participantes do prêmio. “Para as mulheres não é fácil estar à frente de um negócio porque elas têm outros compromissos além do trabalho. Todas vocês que estão aqui já são vitoriosas porque representam um exemplo de determinação e coragem”, afirmou Okamotto.

A preocupação do Sebrae em atender as empreendedoras também foi ressaltada por Paulo Okamotto. “O Sebrae está cada vez mais empenhado em desenvolver programas e abordagens diferenciadas para atender o compromisso com as mulheres” , disse.

O diretor-técnico do Sebrae, Carlos Alberto dos Santos, também ressaltou a determinação, a coragem e o talento empreendedor das participantes do prêmio à frente de seus negócios.

Os prêmios foram entregues por Carlos Alberto dos Santos e pelas representantes das duas entidades parceiras, a presidente da Federação das Associações de Mulheres de Negócios e Profissionais do Brasil (BPW BRASIL), Arlete Zago, e a conselheira da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), Ieda Novaes.

Luta grande

Carmita Duarte Medeiros, do Amapá, está à frente da Associação de Mães Artesãs do Vale do Jari. Com a mistura de sementes, cipós e fibras com materiais nobres como prata, a fabricação de biojóias garante emprego e renda a 60 mulheres. A qualidade do trabalho já rendeu ao grupo até a participação em um Salão Internacional de Biojóias, em Nova York.

“Dedico este prêmio a todas as mulheres empreendedoras porque a luta é grande”, agradeceu Carmita.

O cuidado com pessoas debilitadas e idosas faz parte da rotina da enfermeira Ivana Lúcia Torres. Humanizar o atendimento é a filosofia da Constat Gestão em Saúde. Este diferencial pesou na escolha dela como vencedora da categoria ‘Proprietárias de Micro e Pequenas Empresas’. “A vida só vale a pena se a gente puder dividir o que tem”, afirmou Ivana.

Todas as 22 finalistas vão participar do Seminário Internacional ‘Em Busca da Excelência’, promovido pela FNQ, que será realizado de 8 a 10 de junho, em São Paulo. As duas grandes vencedoras do Prêmio Mulher de Negócios ganharão uma viagem à Milão, na Itália.

Durante a cerimônia, também foi homenageada a gestora do Prêmio Mulher de Negócios do Sebrae no Rio de Janeiro, Renata Maurício Macedo Cabral. O Rio foi o estado campeão em inscrições, com a participação de 538 empreendedoras.

Vencedoras de outras edições foram convidadas a participar da cerimônia. Maysa Mota Gadelha, ganhadora do ano passado na categoria ‘Grupo de Produção Formal’, resumiu o sentimento de quem já foi reconhecida no Mulher de Negócios. “Com o prêmio ganhamos uma visão de fora para dentro, o que nos ajuda a aprimorar nosso trabalho. Ficamos honradas e orgulhosas com o reconhecimento. Todas nós, mulheres, somos movidas à paixão e, por isso, conquistamos nossos espaços”.

Vencedoras

Grupos de Produção Formal
Troféu Ouro – Carmita Duarte Medeiros (AP)
Troféu Prata – Angelita Maria dos Santos (PE) pela Região Nordeste
Maria Edna de Souza (MT) pela Região Centro-Oeste
Geralda Genoíno Formiga (RJ) pela região Sudeste
Geni Theolbald (PR) pela região Sul

Proprietárias de Micro e Pequenas Empresas

Troféu Ouro – Ivana Lúcia Torres (SE)
Troféu Prata – Maria Leonice Ribeiro (RR) pela Região Norte
Rosilene Camargo da Rosa (DF) pela região Centro-Oeste
Lisalba Camargo Rosa (ES) pela região Sudeste
Maridalva Regina Spiazzi (SC) pela região Sul

fonte: http://revistapegn.globo.com/Revista/Common/0,,EMI132376-17193,00-EMPREENDEDORAS+DO+AMAPA+E+SERGIPE+VENCEM+PREMIO+MULHER+DE+NEGOCIOS.html

Foto: Da Agência Sebrae de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *